Linkedin

Newsletter
captcha 
“SPG, SPED E APEF são sociedades irmãs”, afirma o Dr. José Presa
terça-feira, 28 junho 2022 10:28

“SPG, SPED E APEF são sociedades irmãs”, afirma o Dr. José Presa

Foram numerosos os eventos nacionais a decorrer em simultâneo, mas a participação massiva dos congressistas na Semana Digestiva 2022 mereceu um destaque do presidente da Associação Portuguesa para o Estudo do Fígado (APEF), Dr. José Presa, que, em entrevista, elaborou um balanço do encontro com os especialistas nas áreas da Gastrenterologia e Hepatologia, decorrido na cidade do Porto, no espaço do Super Bock Arena, entre os dias 22 e 25 de junho.

Num panorama científico global, assume, um dos representantes da comissão organizadora, que o congresso apresentou “um nível muito elevado”, explicando que, relativamente ao contributo que a APEF deteve na elaboração da programação e dos tópicos debatidos relacionados com a Hepatologia e o estudo do fígado, foi um programa de “excelência”.

Antes da Semana Digestiva dar o pontapé de saída, a APEF havia fechado recentemente o dossier do Congresso Português de Hepatologia, realizado no fim do mês de abril, referindo o Dr. José Presa que a linha contínua na participação em eventos dedicados às temáticas do fígado, como foi o caso da Semana Digestiva, foi “um complemento perfeito”.

Quanto ao elo de ligação, os impactos e importância gerados pelo trio de sociedades, nomeadamente, a Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia (SPG), a Sociedade Portuguesa de Endoscopia Digestiva (SPED) e a Associação Portuguesa para o Estudo do Fígado (APEF), no contributo da Gastrenterologia e Hepatologia, nacional e internacional, considera que são “sociedades irmãs”, dado o contacto com as áreas inseridas nas especialidades que se interligam e que são comuns, explicando que é “perfeitamente natural” que as três “participem ativamente para que estes eventos sejam um sucesso pleno”.

Inteligência Artificial no seio da Hepatologia, qual a sua relevância e contributo?

Questionado sobre o acesso e utilização da inteligência artificial (IA) e as consequências que daí são retiradas para a especialidade hepatológica, um dos muitos tópicos debatidos na Semana Digestiva 2022, considera que futuramente terá “um desenvolvimento tremendo”, acrescentando que já começam a haver estudos “muito avançados” sobre o carcinoma hepatocelular, contribuindo a IA, também, na Radiologia relacionada com o fígado. Conclui que todas as áreas relacionadas com o fígado em que é possível introduzir e serem dinamizadas com o recurso à IA, a sua utilização servirá indiretamente para o desenvolvimento da especialidade e consequentemente servir “melhor os doentes”.

O futuro da APEF e as iniciativas planeadas

“A APEF não para”, reforçando o dinamismo a que se rege a associação, diz o Dr. José Presa, revelando que nos próximos tempos existirão muitos eventos e efemérides importantes nos quais a APEF irá comparticipar e assinalar, dando conta da comemoração sobre o Dia Mundial das Hepatites, o mês de consciencialização do carcinoma hepatocelular, bem como determinadas atividades desenvolvidas internamente, são alguns exemplos transmitidos pelo especialista relativamente à atividade futura da associação que preside.

Vídeo