Login

Newsletter
captcha 
Cancro do cólon e reto: é fundamental a adoção dos critérios de qualidade definidos pela SPED para colonoscopia
sábado, 01 junho 2019 11:41

Cancro do cólon e reto: é fundamental a adoção dos critérios de qualidade definidos pela SPED para colonoscopia

O papel da colonoscopia no rastreio do cancro do cólon e reto foi o ponto de partida da sessão “Update da Indústria”, palestrada pela Enf.ª Emanuela Andrade. Em entrevista à News Farma, a enfermeira da Clínica Radelfe, em Paços de Ferreira, partilha os dados de um “estudo de preparação com picossulfato de sódio e citrato de magnésio”, no qual se atingiram “boas taxas de tolerância, eficácia e segurança”. Veja o vídeo. 

“O cancro do cólon e do reto continua a ser a 2.ª causa de morte por cancro em Portugal, fazendo, em média, dez mortes por dia”, aponta a enfermeira da Clínica Radelfe, em Paços de Ferreira. Com o objetivo de contornar o flagelo, a enfermeira sugere a “criação de estratégias de adaptação aos critérios de qualidade defendidos pela Sociedade Portuguesa de Endoscopia Digestiva (SPED)".

Por isso, o estudo de preparação com picossulfato de sódio e citrato de magnésio na colonoscopia foi um exemplo de “verificação e de auditoria”. “Conseguimos boas taxas de tolerância e de segurança, onde a preparação se mostrou eficaz e com baixa prevalência de vómitos”, comenta.

Na visão da enfermeira, cada clínico deve ter “uma postura de motivação” para se conseguirem ter “cuidados de excelência, otimização dos processos, cumprir os padrões de qualidade" e consequentemente "diminuir a mortalidade do cancro do cólon e reto", conclui. 

Vídeo

Veja Também