SPGspeAPEF

Newsletter
captcha 
Preparar o doente para a colonoscopia
sábado, 10 junho 2017 10:04

Preparar o doente para a colonoscopia

"A qualidade da preparação intestinal na colonoscopia é um dos fatores chave que permitem que o exame seja efetivo", afirma o Dr. Bruno Rosa a propósito do workshop "Preparação para colonoscopia" promovido pela Jaba Recordati e do qual foi o palestrante, no terceiro dia da Semana Digestiva 2017. Assista à entrevista em vídeo.

Nesta sessão, o médico abordou os diversos produtos disponíveis no mercado e defendeu o regime de doses repartidas, que na sua perspetiva "tem ganhos substanciais na qualidade da preparação intestinal obtida".

Outros dos aspetos abordados no workshop foi o "intervalo que medeia entre a finalização da toma do preparado e o horário da colonoscopia".

Vídeo

Veja Também

  • ELEVADA EFICÁCIA DA REPETIÇÃO DE UMA COLONOSCOPIA INCOMPLETA POR UM ENDOSCOPISTA AVANÇADO
    2017-12-18 16:17:04
    ELEVADA EFICÁCIA DA REPETIÇÃO DE UMA COLONOSCOPIA INCOMPLETA POR UM ENDOSCOPISTA AVANÇADO

    A entubação cecal é um critério de qualidade na colonoscopia, dado que 30-50% das neoplasias avançadas ocorrem no cólon proximal. Contudo, a abordagem subsequente após uma colonoscopia incompleta (CI) permanece por determinar. Objetivo: Avaliar o papel de um endoscopista avançado (gastrenterologista com diferenciação em terapêutica endoscópica avançada) no estudo do cólon após CI.

  • IMPLEMENTAÇÃO DE PROTOCOLO DE PREPARAÇÃO SPLIT DOSE EM COLONOSCOPIA: A EXPERIÊNCIA DUM CENTRO
    2017-12-18 15:59:27
    IMPLEMENTAÇÃO DE PROTOCOLO DE PREPARAÇÃO SPLIT DOSE EM COLONOSCOPIA: A EXPERIÊNCIA DUM CENTRO

    A preparação intestinal em regime de split dose (SD) é mais eficaz do que no dia anterior (DA). O objetivo foi verificar o impacto na qualidade da preparação intestinal após implementação de protocolo SD num hospital distrital.

  • DÉFICE NUTRICIONAL INDUZIDO PELA PREPARAÇÃO PARA COLONOSCOPIA: A IATROGENIA IGNORADA
    2017-12-18 15:51:25
    DÉFICE NUTRICIONAL INDUZIDO PELA PREPARAÇÃO PARA COLONOSCOPIA: A IATROGENIA IGNORADA

    A eficácia da colonoscopia como instrumento de rastreio, diagnóstico e terapêutico pressupõe o cumprimento de critérios de qualidade, nomeadamente uma preparação intestinal adequada. A preparação para colonoscopia induz um estado de semi-jejum, com potencial impacto negativo em doentes frágeis. O presente estudo pretende quantificar o défice nutricional induzido pela preparação para colonoscopia, não previamente descrito na literatura.

  • O PAPEL DA COLONOSCOPIA APÓS DIVERTICULITE AGUDA
    2017-12-14 13:02:19
    O PAPEL DA COLONOSCOPIA APÓS DIVERTICULITE AGUDA

    As guidelines mais recentes recomendam a realização de colonoscopia após episódio de diverticulite aguda (DA) com o objetivo de excluir cancro do cólon (CC). O objectivo deste estudo foi determinar a prevalência de CC e avaliar a necessidade de colonoscopia após DA.

  • PRIORIDADE DA COLONOSCOPIA NO DOENTE SINTOMÁTICO – AVALIAÇÃO DE UM SISTEMA DE TRIAGEM
    2017-12-14 12:37:22
    PRIORIDADE DA COLONOSCOPIA NO DOENTE SINTOMÁTICO – AVALIAÇÃO DE UM SISTEMA DE TRIAGEM

    Definir e validar critérios de triagem para colonoscopia prioritária no doente sintomático com o objetivo de diminuir o tempo da realização de um diagnóstico definitivo e subsequente consulta de cirurgia para orientação terapêutica.